Observatório da Jihad


6.11.06

A quinta coluna manifesta-se

No passado dia 22 de Outubro realizou-se em Londres a Jerusalem Day March que reuniu algumas centenas de pessoas.
Algumas das palavras de ordem gritadas: “Down with Israel ,” “Victory to intifada,” “Judaism is OK, Zionism no way,” “God is greatest” e “ We are all Hezbollah .” Os participantes pararam em frente à embaixada dos Estados Unidos para apoiarem o Hezbollah e denunciarem o presidente dos EUA e os primeiros-ministros britânico e israelita aos gritos de: “With blood, with guns, we'll free Lebanon and Palestine,” “Bush and Blair will get their asses kicked,” “Olmert watch your back, Hezbollah is coming back” e “Bush, Blair and Olmert, who's scared of Nasrallah?”
Os participantes pertenciam a vários grupos anti-Israel que operam na Grã-Bretanha. Entre os mais representativos estão os grupos filiados na Muslim Brotherhood, no Hamas e no Liberation Party. Também estiveram presentes grupos muçulmanos xiitas que apoiam o Irão e o Hezbollah e figuras públicas muçulmanas e não-muçulmanas que se opõem aos EUA, a Israel e à globalização. Todos uniram forças nesta Marcha de Jerusalém, uma iniciativa iraniana para propagandear a eliminação do Estado de Israel.
in Intelligence and Terrorism Information Center at the Center for Special Studies (C.S.S)

3 Comments:

At 11:26, Blogger João Moutinho said...

Penso que conheceis a História do cativeiro dos Hebreus às mãos de Nabuconodosor.
Quando Ciro, rei persa, conquistou a Mesopotâmia libertou os escravos e permitiu que volvessem à sua terra. O que permitem aos Hebreus regressarem à Terra Santa.
Agora, o Senhor dos Exércitos, tantas vezes referido por Isaías também era persa, e com a Sua vinda assim os judeus volveram dos quatros cantos do Mundo para a Terra Santíssima.

 
At 15:58, Blogger miazuria said...

Passado,meu caro, passado...

Estamos em 2006!!

Sabia?

 
At 22:10, Blogger david santos said...

Pois é passado,muito bem. Mas os crimes que alguns israelitas corruptos e assassinos, a quem moralmente não devo chamar de Judeus, até porque tenho em mente, "Escuta, Israel, o Senhor é nosso Deus, o Senhor é Um", são praticados no presente.
miazuria, espero que não se ofenda, mas a paz, a verdade e a amizade devem estar acima de qualquer vontade de matar.
Até sempre: david-santos

 

Enviar um comentário

<< Home