Observatório da Jihad


23.1.07

Incitamento à morte dos homossexuais

A polícia inglesa exprimiu a sua inquietação após a difusão do documentário «Undercover Mosque» onde um predicador muçulmano é filmado a incitar à morte dos homossexuais. A emissão do Canal 4 relata as actividades de muçulmanos extremistas que actuam em diversas mesquitas, principalmente na de Green Lane, em Birmingham.
O predicador Abu Usamah At-Thahabi afirma na reportagem: «Se eu tratar os homossexuais como cães perversos, sujos e imundos que merecem ser assassinados, é a minha liberdade de expressão, não?
O visado acusou os produtores da emissão de terem colocado a frase fora do contexto, acrescentado que o seu discurso visava mostrar os limites da liberdade de expressão. A polícia de Birmingham fez saber que examinará o conteúdo do documentário para apurar se foi cometida alguma infracção.

5 Comments:

At 01:07, Anonymous The Studio said...

Nem fales no canal 4 ou ainda vais preso... :) Há quase uma semana que não se fala noutra coisa senão no "racismo" do canal 4 cujo director está por um fio. Tudo isto porque uma parva qualquer do Big Brother bebeu uns copos a mais e disse umas coisas a outra tipa igual a ela... O azar é que esta pertencia a uma minoria étnica.

 
At 09:21, Anonymous Anónimo said...

Só poucas vergonhas neste mundo. bj

 
At 11:17, Blogger Sliver said...

Preso?... é um contributo para um senhor, dono de um fórum, que em tempos me ameaçou que não ia poupar nem dinheiro nem tempo para me perseguir... como eu gosto de ajudar os pobres, neste caso de espírito... :-)

 
At 00:54, Anonymous Anónimo said...

Monstruam as mulheres. Nem sequer as podem ver.
Cheiram o rabo uns dos outros.
Vestem-se com túnicas.
São sado-mosoquitas.
E depois os maus são os gays.

 
At 04:11, Anonymous Anónimo said...

"""«Se eu tratar os homossexuais como cães perversos, sujos e imundos que merecem ser assassinados, é a minha liberdade de expressão, não?"""

isso não é liberdade de expresão!

 

Enviar um comentário

<< Home